Câmara de Aquidauana manifesta pesar por morte de pais de ex-presidente

08/05/2024 - Por: ASCOM - Visitas: 480

Compartilhe:

Na Sessão Legislativa realizada na noite de ontem, terça-feira (07) no Plenário Estevão Alves Corrêa da Câmara Municipal de Aquidauana, o vereador Chico Tavares nos expressos termos do dispositivo no inciso IV, do § 1º, do art. 168, do Regimento Interno, fez a leitura da Moção de Pesar aos familiares do Elena Flores Louveira e Pedro Celestino Louveira, pais da ex-vereadora e ex-presidente da Câmara Municipal de Aquidauana, professora Luzia Cunha, atual secretária de Educação do Munícipio de Aquidauana.

A Moção de Pesar de autoria do Poder Legislativo, assinada por todos os vereadores presentes na Sessão Legislativa foi aprovada por unanimidade e será encaminhada via correspondência aos familiares do casal Elena e Pedro.

Segundo narrativa Elena Flores Louveira (81 anos) faleceu no dia 25 de abril e no dia 30 do mesmo mês faleceu o esposo Pedro Celestino Louveira (84 anos), ambos no Hospital da Cassems em Campo Grande, vitimas de vítimas de insuficiência respiratória e parada cardíaca.

Elena Flores Louveira, nasceu em Terenos, filha de Braulio Nogueira Flores (in memoriam) e Alípia da Mota Flores (in memoriam), enquanto que Pedro Celestino Louveira nasceu em Aquidauana, filho de Gertrudes Louveira (in memoriam) e Martina Silva (in memoriam).  “Ele e Pedro eram casados e desta união nasceram cinco filhos Luzia, Elenir (in memorian), Luzenir, Alípia e Pedro. Casal bastante conhecido e respeitado por suas condutas de dedicação à família e a comunidade”, justificou o parlamento municipal.

Uma das filhas do casal Elena e Pedro, Luzia Cunha foi vereadora e a primeira mulher presidente do Poder Legislativo Aquidauanense. Atualmente Luzia Cunha é secretária de Educação do município de Aquidauana, gestão do prefeito Odilon Ribeiro.

Elena foi professora leiga em Terenos, trabalhadora rural e costureira, iniciou sua vida cristã na Igreja Católica e por mais de 40 anos congregou na Igreja Assembleia de Deus, servindo, auxiliando, testemunhando sua fé com alegria e fervor! Mulher virtuosa! Mãe, irmã, tia, cunhada, avó, bisavó, zelosa, amorosa sempre em oração por toda a família! Onde passou deixou seu legado, trabalho com dedicação e amor, e como serva fiel de Deus.

Pedro cresceu trabalhando com seu pai em fazendas da região de Aquidauana, onde desempenhou várias atividades como trabalhador rural.

Com os filhos em idade escolar, veio a para cidade e montou um comércio em Anastácio “Casa Guarany”, onde trabalhou por muitos anos.

Pedro Celestino Louveira aposentou-se como servidor público da Prefeitura de Anastácio, tendo sido muito participativo no movimento político e nas campanhas eleitorais em Anastácio nos anos 80 e 90, inclusive sendo candidato a vereador.

Após um grave acidente em 1992 tornou-se evangélico e passou a congregar na Igreja Assembleia de Deus Missões, onde participava tocando seu violão, dando testemunhos de fé em Deus e fazendo o trabalho de evangelização. “Foi um pai, avô, bisavô, irmão, tio, cunhado, trabalhador, zeloso, amoroso, que sempre fez seu melhor para honrar e orgulhar seus filhos e sua família”.

Casal correto e honesto, por isso mesmo, eram muito respeitados nos seus círculos de amizades, sempre cultivadores da paz, do amor, e com certeza farão muita falta, permanecendo como pessoas dignas de confiança, da verdade e de uma amizade sincera, dando grande exemplo de vida para todos.

Suas mortes, enlutam não somente seus familiares e amigos, mas toda sociedade, a perda de um casal trabalhador, alegre, exemplo na honestidade e caráter, seus legados ficarão nas lembranças daqueles que tiveram a oportunidade de conhecê-los e com eles conviverem.

Aos seus familiares, essa Casa Legislativa não poderia deixar de prestar essa singela homenagem póstuma, desejando que a paz, o consolo e a força da fé reinem no meio de todos, primando o amor a Deus sobre todas as coisas para que nossos queridos Dona Elena e Senhor Pedro descansem em paz, apresentando publicamente sentimentos de pesar, nos solidarizando nesta hora de dor.

Que Deus em sua infinita bondade possa recebê-los no céu e que traga conforto aos corações de todos os seus familiares e amigos enlutados.  

A Moção de Pesar que demonstra apreço, amizade e admiração de autoria dos vereadores aquidauanenses foi submetida a votação em plenário e aprovada por unanimidade pelos parlamentares presentes na Sessão Legislativa.