Na tribuna do Legislativo delegada destaca atuação da DAM de Aquidauana

10/04/2023 - Por: Ascom - Visitas: 1322

Compartilhe:

Durante Sessão Solene que homenageou mulheres de Aquidauana com a concessão do prêmio “Mulher que faz a diferença Maria Tereza Ferraz Alves Ribeiro”, a Delegada de Policia Civil, Dra. Isabelle Sentinello, titular da Delegacia de Atendimento a Mulher de Aquidauana, usou da tribuna do Legislativo para discorrer sobre o tema “O atendimento humanitário das mulheres vítimas de violência doméstica na DAM”.

Honrada pelo convite do presidente da Câmara de Vereadores de Aquidauana, Nilson Pontim, a Dra. Isabelle frisou que as mulheres sabem o quanto é importante serem corajosas, fortes, determinadas para se ocupar um lugar de destaque e de posição na sociedade. “Só nós sabemos o que a gente passa no dia a dia para ocupar nosso lugar e fazermos a diferença na vida da sociedade”, frisou a policial ao saudar as autoridades, convidados e homenageadas.

Nessa noite de celebração e festa, a Delegada de Policia civil Dra. Isabelle Sentinello discorreu sobre as atividades da Delegacia de Atendimento à Mulher de Aquidauana. “Acredito que muitas pessoas tenham dúvidas como é o atendimento e podem ter até certo receio de ir a uma delegacia, mas aqui quero esclarecer que a mulher assim que chega na delegacia, ela já é direcionada para ser atendida por uma servidora do sexo feminino”.

Segundo exemplificou a Dra. Isabelle Sentinello, a mulher vítima de violência ao chegar na DAM, relata o ocorrido a servidora do sexo feminino detalhando os fatos. 
Essa é a única hora que ela tem que ir a DAM e o atendimento dura em média 1h30min, incluindo o registro do Boletim de Ocorrência. “Nossa prioridade é tentar poupar a mulher, para ela narrar os fatos apenas uma vez, respeitando a sua integridade física e principalmente emocional e de vulnerabilidade pela qual ela passa no momento”, explicou. 

É possível ainda solicitar medida protetiva e também realizar a expedição de exames de corpo de delito, no caso de a vítima apresentar lesões. “Após ser ouvida no inquérito, não há mais necessidade de retorno da mulher à DAM”.

Importante destacar que se a mulher não tem coragem de ir até a delegacia, é possível que se faça a denúncia pelo canal 180 de forma anônima. “Assim que recebe a denuncia a equipe da DAM – Delegacia de Atendimento à Mulher de Aquidauana se desloca para verificar os fatos”, explicou a Delegada Dra Isabelle Sentinello.
 A denúncia pode ser concretizada por qualquer pessoa. “Então, se você conhece uma amiga, uma colega de trabalho, uma vizinha, um familiar que passa por esse tipo de violência pode fazer a denúncia no 180 anonimamente”, garantiu a Delegada Isabelle Sentinello, acrescentando que a denúncia ainda pode ser efetuada através do telefone 190 da Policia Militar ou até indo pessoalmente a sede da DAM em Aquidauana.   

Na oportunidade a Delegada da DAM de Aquidauana Isabelle Sentinello falou do projeto que está sendo idealizado em parceria com a Prefeitura de Aquidauana de instalação de uma brinquedoteca para que as crianças possam se beneficiar de um ambiente legal enquanto a mãe é atendida. Tal projeto vai tirar a criança de perto da mãe no momento em que ela narra aos policiais os acontecimentos.

Por outro lado, a DAM não atende só mulheres vítimas de violência doméstica e familiar, atende também crianças e adolescentes vítimas de qualquer tipo de crime, sejam eles maus tratos, abandono de incapaz e até violência sexual de vulnerável. “Lembrando ainda que os idosos também são atendidos pela Delegacia de Atendimento à Mulher e também outras pessoas de grupo vulnerável da sociedade que precisa um pouco mais de atenção, tanto publica quanto privada”, detalhou.

A DAM de Aquidauana atua ainda em parceria com o Conselho Tutelar e CRAM possibilitando que a mulher receba atendimento psicológico. 

As vezes a mulher não consegue falar a verdade, fica constrangida, com medo, com vergonha de contar como tudo aconteceu, e esse respaldo da psicóloga disponibilizada pela Prefeitura de Aquidauana através do CRAM é de suma importância.

Uma equipe da Assistência Social da Prefeitura de Aquidauana também viabiliza o atendimento pelo CRAS no que diz respeito a alimentação, abrigo temporário ou mesmo acomodação em um hotel visando afastar a vítima do agressor.

A Delegada da Mulher Dra. Isabelle Sentinello finalizando disse que a unidade policial está aberta, a disposição, para atender a população de Aquidauana no registro do Boletim de Ocorrência ou na simples busca para sanar algumas dúvidas. “A gente vai saber orientar”, finalizou reiterando agradecimento pelo convite e pela oportunidade de representar na Sessão Solene o Delegado Regional de Policia Civil de Aquidauana, Dr. Amylcar Eduardo Paracatu Romero.

Ao final a Delegada de Policia Civil Dra. Isabelle Sentinello, titular da Delegacia de Atendimento à Mulher de Aquidauana foi homenageada pelo Presidente da Câmara de Vereadores Nilson Pontim (MDB) ao lado do prefeito Odilon Ribeiro (PSDB).