Vereadores lamentam morte de liderança política e sindicalista aquidauanense

21/09/2022 - Por: Ascom - Visitas: 168

Compartilhe:

Durante Sessão Legislativa realizada na noite de terça-feira (20) no Plenário Estevão Alves Corrêa, o vereador Chico Tavares fez a leitura de uma ‘Moção de Pesar’ de autoria do Poder Legislativo por iniciativa do presidente - vereador Wezer Lucarelli em virtude do falecimento do empresário e sindicalista Sérgio Polini ocorrido no dia 13 de setembro em Aquidauana.

Na justificativa, consta que, em nome do Poder Legislativo Aquidauanense e de toda a comunidade, manifestamos com enorme consternação o falecimento de Sérgio Polini aos 62 anos de idade. 

Sergio Polini era militante do PT (Partido dos Trabalhadores em Aquidauana) e presidente do Sindicato das Indústrias e dos Produtores de Carvão Vegetal de Mato Grosso do Sul, figura conhecida no meio político. “Durante sua trajetória política, Polini foi candidato por duas vezes a deputado estadual”.

Sergio Polini também foi diretor da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), em Nova Andradina de 1998 a 2003, depois pediu afastamento e, por fim, veio morar em Aquidauana, onde era produtor de carvão vegetal. 

Ele deixou esposa, 6 filhos, 7 netos e amigos.  “Neste momento de saudade, não poderíamos deixar de prestar a nossa homenagem de fé e solidariedade humana à família enlutada. Que Deus possa confortá-los, dando-lhes força espiritual e resignação para superar a dor da separação do seu ente querido”.

A Moção de Pesar foi apresentada pelos vereadores Wezer Lucarelli, Everton Romero, sargento Cruz, professor Clériton Alvarenga, Anderson Meireles, Sebastiãozinho do Tabôco, Reinaldo Kastanha, Humberto Torres, Nilson Pontim, Valter Neves, Marquinhos Taxista, Tião Melo e Chico Tavares.  

A Moção de Pesar com assinatura de 11 vereadores, devido à ausência justificada dos vereadores Reinaldo Kastanha e Sebastiãozinho do Tabôco foi aprovada por unanimidade dos presentes e será encaminhada aos familiares de Sergio Polini.