Poluição ambiental por siderurgia continua na pauta do Legislativo de Aquidauana

14/09/2021 - Por: Ascom - Visitas: 459

Compartilhe:

No inicio da tarde de ontem (13), no Plenário Estevão Alves Corrêa da Câmara Municipal de Aquidauana importante reunião foi realizada sob a coordenação do vereador-presidente Wezer Lucarelli com a presença do Assessor Jurídico da Siderúrgica Simasul, Dr. Carlos Alberto Ferreira de Miranda. 

Em pauta a resolução dos problemas detectados e medidas mitigadoras em relação ao meio ambiente que tem sofrido as conseqüências da não adoção de medidas preventivas de caráter prioritário.

O advogado Dr. Carlos Alberto Ferreira de Miranda, fez um relato de medidas tomadas pela empresa em relação aos questionamentos do IMASUL – Instituto de Meio ambiente de Mato Grosso do Sul. Recentemente a empresa também foi atuada pela Policia Militar Ambiental de MS.

Em discussão responsabilidade social e preservação ambiental. 

Pelo balanço apresentado, o Poder legislativo entende que a maioria das medidas pode ser considerada importante, mas tem conteúdo apenas protelatório e que ações concretas que visam dar solução a questão da poluição que afeta centenas de famílias que moram no entorno da empresa, não foram definidas. Esse fato também gerou questionamentos dos  moradores presentes na reunião.

Além disso, os vereadores não se deram por satisfeitos com as explicações apresentadas pelo Assessor Jurídico Dr. Carlos Alberto Ferreira de Miranda que não se fez acompanhar de nenhum dirigente da empresa ou profissional da área de meio ambiente que poderia sanar duvidas a respeito dos fatos. 

A reunião contou ainda com a presença dos vereadores, Everton Romero, Sargento Cruz, Tião Melo, Chico Tavares, Marquinhos Taxista, Reinaldo Kastanha, Anderson Meireles, professor Clériton e teve duração de mais de 3 horas. 

Participaram ainda da reunião, o Secretário Municipal de Meio Ambiente - Wanderley Dos Santos Mariano, Moacir Reis - diretor presidente da Reflore (Associação Sul-Mato-Grossense de Produtores e Consumidores de Florestas Plantadas), Fernando Ibanez Martins, biólogo da Secretaria de Meio Ambiente de Aquidauana, alguns funcionários da Simasul e representantes de caminhoneiros, transportadores de carvão.

Hoje, terça-feira (14), a partir das 19 horas o Poder Legislativo promove a 7ª Sessão ordinária no Plenário Estevão Alves Corrêa e a questão da Siderúrgica de Aquidauana na Vila Cidade Nova/Pinheiro está de novo na pauta de discussões, pois entende os vereadores que a empresa precisa adotar medidas urgentes para impedir que a população continue respirando pó de carvão e outras partículas provenientes da siderurgia. “Vamos continuar exigindo da empresa investimentos que possam reduzir o sofrimento das famílias que moram nos bairros no entorno da Siderúrgica”, frisou o presidente Wezer Lucarelli.