Sebastiãozinho defende implantação de Ensino Médio na zona rural  

26/02/2021 - Por: Ascom - Visitas: 186

Compartilhe:

Durante Sessão Legislativa Ordinária na quarta-feira (24) no Plenário Estevão Alves Corrêa da Câmara Municipal de Aquidauana, o vereador Sebastiãozinho do Taboco (PSDB) encaminhou expediente a professora Maria Cecília Amendola da Mota- Secretária de Estado de Educação (SED), com cópia a professora Gleide Veloso Godoy Gomes- Coordenadora Regional de Educação- CRE 01-Aquidauana, e a professora Wilsandra Aparecida de Lima Beda- Secretária Municipal de Educação (SEMED), no sentido de implantar o Ensino Médio nas escolas da zona Rural região pantaneira. 

O vereador Sebastiãozinho do Taboco (MDB) frisou que a possibilidade de levar o aluno até o Ensino Médio morando com seus pais nas fazendas onde trabalham é uma condição a ser pensada, em razão de que a região de Aquidauana, inicio do Pantanal, bem como as demais áreas pantaneiras vem se consolidando como um importante polo de produção de proteína vermelha, em harmonia com o bioma pantaneiro, onde há mais de século rebanhos bovinos são criados em antigas fazendas; onde cujo conhecimento e sapiência foram sendo passado de pai para filho, agora precisando incorporar praticas mais técnicas como reprodução por inseminação artificial, controles zootécnicos e outras inúmeras praticas que necessitam (com urgência) de mão de obra qualificada e instruída; “é o que nos leva a fazer tal solicitação”.

Atualmente os pais acabam abandonando o campo para acompanhar seus filhos no curso do Ensino Médio na cidade, ou mandam os filhos para casa de parentes ou ainda só a mãe acompanha o filho e o pai fica na fazenda; não suportando as despesas na cidade.

Por fim, os filhos acabam abandonando o estudo e voltando para a fazenda, ou ficam na cidade sem estudar, e acabam se envolvendo em atividades ilícitas. “Essa é a realidade vivida pelos produtores no pantanal, onde tantas riquezas e impostos são gerados. Esperamos que nossa solicitação seja atendida, e que haja um olhar para esse problema, um olhar de ajuda as crianças pantaneiras a serem futuros profissionais inserindo o Ensino Médio nas escolas Rurais, pensando numa política voltada à realidade pantaneira”, enfatizou o vereador Sebastiãozinho do Taboco.