Meireles solicita estudos para cancelamento das aulas presenciais na Reme

28/08/2020 - Por: Ascom - Visitas: 852

Compartilhe:

A manutenção, em caráter de urgência,  da Rua Bernardino Ferreira, no Bairro da Serraria, foi solicitada pelo vereador Anderson Meireles (MDB) ao Executivo Municipal de Aquidauana.

Conforme justificativa do parlamentar, essa rua  se encontra avariada pela ação das constantes chuvas e do tempo, o que têm dificultado o acesso dos moradores, causando inclusive inúmeros acidentes envolvendo carros, motos e bicicletas. Por essa razão, ele solicita  o empenho dessa Secretaria  a fim de  atender essa proposição fruto de reivindicação dos moradores.

Outra solicitação do parlamentar ao executivo refere-se à  adoção de estudos com a proposta de  cancelar definitivamente o retorno das aulas presenciais na Reme (Rede Pública Municipal de Ensino) em virtude da pandemia  do novo coronavirus. De acordo com ele, o município ainda convive com a triste realidade da pandemia ocasionada pela Covid 19. Além das contaminações,  acrescenta, infelizmente já houve o registro de dezenas de mortes, na área urbana e indígena.

“Em consulta na nossa página nas redes sociais  mais de 90% das pessoas são contrárias ao retorno, até que se tenha uma vacina, que garanta a imunidade e segurança dos profissionais da educação e os alunos”, informa. Para ele, cabe ao Poder Público garantir a proteção dos alunos, suas famílias, professores e demais servidores que fazem parte do contexto escolar.

“Importante ressaltar que os professores e toda equipe escolar estão trabalhando diariamente para manter as atividades em dia. Neste sentido, ressalto que retornar em um momento difícil para os aquidauanenses, com o registro de várias mortes, não seria recomendável”, adverte.

Meireles acredita,  que mesmo seguindo todos os protocolos sanitários e medidas de precaução não serão suficientes para protegerem alunos e servidores. “Solicito que antes de qualquer decisão, a Secretaria possa fazer uma consulta aos pais e todos os profissionais que trabalham na educação”, completa.