×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 883
Menu

Câmara de Aquidauana promove reunião com Energisa para debater tarifa

O Poder Legislativo de Aquidauana realizou na ultima quinta-feira (31) uma importante reunião ampliada que contou com a presença de vereadores de Aquidauana e Anastácio, OAB-Aquidauana, Procon de Aquidauana e Anastácio e dirigentes da Energisa.

Em pauta as inúmeras reclamações em relação a conta de energia cujos valores geraram revolta e desconfiança nos usuários de praticamente todos os municípios de Mato Grosso do Sul.

Houve diversas manifestações em defesa do consumidor, inclusive por parte dos vereadores, representante da OAB e da Prefeitura de Anastácio. A possibilidade de uma ação civil pública contra o que eles chamam de abuso, não está descartada.

O dirigente do Procon de Aquidauana Dr. Teodoro Neto apresentou algumas reclamações e alertou aos consumidores para formalizar com  urgência denuncia junto ao órgão, no caso de discordar do valor de sua conta de energia emitida pela Energisa. “A situação precisa ser averiguada sob o manto da legalidade”, disse ele.

Segundo o diretor do Procon de Aquidauana, o parcelamento discutido com a empresa em Campo Grande não é o remédio para o problema, no que concorda Janaina, que é diretora do Procon de Anastácio, afinal no mês seguinte, além do consumo, o trabalhador terá que pagar o parcelamento, majorando sua despesa do mês.

Segundo os vereadores que encaminharam várias reclamações, o valor que está sendo cobrado, tira o alimento da mesa do trabalhador, “sacrifica sua família”.  

De Aquidauana, participaram os vereadores Mauro do Atlântico, presidente da Câmara Municipal, Sebastião Rodrigues dos Santos, Yossef Saliba, Edinho Grance, Nilson Pontim, Pastor Marcelo, Cláudio Alviço, Anderson Meireles e Lenilda Damasceno. De Anastácio, participou o vereador professor Aldo, vereador Loro, Rafael e Dinho Vital, além de Silas Cabral, chefe de Gabinete da Prefeitura de Anastácio que representou o prefeito Nildo Alves.

Essa mobilização que contesta a conta de luz do último mês vem se espalhando pelos municípios de MS enquanto a Energisa continua afirmando que não há erro e que a alta temperatura pode sim, fazer diferença no consumo.

O Coordenador comercial da Energisa, Jonas Ortiz Rudis fez uma explanação em relação aos picos de consumo identificados em MS. Ele enfatiza que os picos ocorreram no mês de dezembro o mais quente desde 2006 e no mês de janeiro que registrou calor recorde em 100 anos. "Não houve nenhum tipo de reajuste", explicou. O usuário da empresa, de acordo com informações da Energisa deve reclamar na sede da concessionária em Aquidauana e até solicitar uma vistoria no medidor de energia.

voltar ao topo

CENTRAL DE ATENDIMENTO

  • Praça Nossa Senhora Imaculada Conceição, 85, Aquidauana-MS
  • Horário de Atendimento - 2ª a 6ª (7 às 13h)
  • Sessão Plenário - Todas as 4ª feiras (8:30h)
  • Email de Contato - ouvidoria@cmaquidauana.ms.gov.br
  • Telefone & Expediente - (67) 3241-4350